APENAS MAIS UMA HISTÓRIA…

Palavra do dia:

Triste: Haziin

******************************************************************************************************************

Hoje vou abrir um espaço no Blog para compartilhar com vocês, a história de uma leitora que me escreveu há alguns dias, contando um triste episódio de sua vida. Logicamente fui autorizada a postar suas palavras, mas por questões óbvias, não vou “dar nome aos bois”.

Segue abaixo:

Meu nome é J, tenho 36 anos, moro em PE, sou tripulante de navios, trabalho em cruzeiros…

Eu achei interessante a sua matéria sobre mulheres X casamento com egípcios e gostaria de relatar minha experiência para você, pois assim como muitas, namorei, noivei e fui enganada por um egípcio.

Tudo começou quando fui trabalhar no navio Orient Queen da companhia Luis Cruises, no departamento de bar, como bar waitress.

Eu estava deslumbrada com o emprego, pois era meu primeiro emprego no navio e ao mesmo tempo com medo, pois ficaria presa por um longo tempo com 350 tripulantes onde apenas 50 eram mulheres. Lá existiam pessoas de muitas nacionalidades, a maioria filipinos e gregos, já que a bandeira do navio é grega.

Não demorou muito, uma questão de dias, eu conheci o homem que me daria todo o céu e ao mesmo tempo, faria da minha vida um inferno… O nome dele é N. D. S. T., ele tem 30 anos e é bar keeper , ou seja, barman com poder de supervisor do departamento no bar. Ele é egípcio e cristão. 

No inicio foi engraçado porque a gente só se comunicava através do inglês. Foi quando ele me pediu que eu ensinasse a ele português, já que  ele estava aqui no Brasil. Então de uma amizade, começou a nossa história de amor…  

Ele era educado, atencioso e comprava mil coisas para mim. Na primeira semana falou que me amava, que havia encontrado a mulher de sua vida e que queria ficar comigo para sempre. Perguntava-me onde eu estava todo esse tempo, me cobria de beijos e carinhos… Pois é… Qual mulher não gosta disso? Eu vinha de um relacionamento frustrado com um rapaz de longe e queria na verdade encontrar alguém que pudesse me fazer esquecer todas as magoas que tive com meu ex… Foi aí que eu me apaixonei…

Tudo entre a gente foi rápido, começamos namorar cinco dias depois que eu entrei no navio. Fui morar com ele, em sua cabine, uma semana depois que começamos a namorar e por aí foi… Foram momentos mágicos e únicos, eu sentia sinceridade nos olhos dele, ele fazia loucuras para estar comigo. Cuidava de mim, cuidava das minhas coisas, roupas, comida… Sempre que eu chegava a nossa cabine havia uma surpresa. Flores, fitas adesivas com varias coisas escritas grudadas de um canto a outro, presentes, etc… Tudo que uma pessoa sonha que outra faça por ela, ele fazia por mim…

Trabalhávamos no mesmo setor. Almoçávamos, jantávamos, tomávamos café da manha juntos todos os dias e não nos cansávamos de estar juntos. Parecia que cada dia a gente queria estar mais próximo um do outro. Éramos tratados pelos nossos supervisores e superiores como marido e mulher. Até nosso gerente, que também é daquelas bandas (libanês), falava que eu era a esposa dele.

Foram momentos de amor e de paixão. Brigas??? Quase nunca! De vez em quando ocorria um ciumezinho, mas só para apimentar mais a relação, porque na hora das pazes a gente esquecia qualquer problema que tinha havido entre nós.

Me apaixonei perdidamente por ele, e os dias foram passando… trouxe-o diversas vezes para minha casa e apresentei-o aos meus pais.  Meus pais, mesmo sem falar uma palavra em inglês, o adoraram. Ele se esforçava para agradá-los e como agradou… Minha família ficou encantada por ele. Meu pai fez até banquete para recebê-lo e ele lhe retribuía chamando-o de anjo e beijando-lhe a face… como eles fazem por lá. Minha mãe o adorava e ele a chamava de mãe. Olha que meu pai não gosta de estrangeiro, mas dele, ele realmente gostou…

Ele me convidou para o casamento de sua irmã que seria em agosto desse ano. Chamou meus pais para ir também. Eu aceitei ir, assim que terminasse meu contrato compraria minha passagem e passaria um mês lá. Depois eu voltaria para o Brasil. Fizemos planos, cálculos, pensamos em tudo. Inclusive aonde eu iria me hospedar, pois eu não poderia ficar na mesma casa que ele (dormir no mesmo quarto dele), pois no Egito a gente teria que se comportar como amigos apenas, até a família dele se acostumar com a idéia de que estávamos  apaixonados e que queríamos ficar juntos.

Mas algo aconteceu quando eu voltei para o Brasil e ele ficou trabalhando no navio. Ele precisava esperar pela data de embarque ao Egito, logo, se preparar para me receber lá e para irmos à festa da irmã dele… Não sei explicar bem o que houve… Eu voltei para casa depois de oito meses de convivência, morando com ele. Mas algo estava errado…

Voltei para o Brasil dia 12 de julho e ele dia 15 para o Egito… Continuamos a nos falar por msn, e-mail, skype, facebook, telefonemas … Mas, ele mudou… 

 Surgiu uma moça chamada L.L. no Facebook dele (egípcia). Isso ainda quando ele estava no navio e eu já aqui no Brasil. Notei que ela estava muito interessada nele e ele também. Sempre conversando com ela e comentando as fotos dela. Eu achei estranho porque ele não estava mais comentando as nossas fotos, nem tão pouco, colocou as fotos que tiramos (certa de três mil fotos) juntos, durante todos esse oito meses passeando pelo Brasil e Europa… Achei estranho e adicionei-a ao meu facebook para saber se eu descobria alguma coisa…

 Ela me perguntava dele e eu tinha que mentir, porque eu não podia dizer que eu era a noiva dele, já que lá no navio tínhamos um compromisso e usávamos anel de noivado, vivíamos como marido e mulher… Além disso, ele me obrigou a mentir sobre nós. 

Acabou que eu não fui para o casamento e ele foi sem mim… Fiquei aqui imaginando como teria sido o casamento. 

 Lembro que por diversas vezes eu falei (por telefone) com a mãe dele lá no Egito. Ela falava que queria que eu fosse na casa dela e as irmãs dele também… Ele falava para todas elas que eu era a melhor amiga dele e que queria muito que elas (a família dele) me conhecessem. Dizia ter certeza que elas iriam me amar como ele me amava.

Eu ainda estava muito apaixonada e comecei a me sentir incomodada pelo simples fato dele estar se correspondendo com outra no facebook. Então eu perguntei quem era ela para ele. Ele apenas falou que era uma sobrinha do marido da irmã dele, que morava longe, em Alexandria que não tinha muito contato. 

Aí começou uma chuva de mentiras. Eu chorava dia e noite, acreditando nele e ao mesmo tempo vendo as coisas acontecerem… Ele começou a me tratar mal no telefone, mas ao mesmo tempo mandava cartas de amor para mim, pedindo que eu tivesse calma e que deixasse o tempo se encarregar das coisas… Falou que o irmão dele pegou o computador dele, tirou o facebook dele sem nenhuma explicação  e coisas deste tipo. Depois ele me dava patadas no msn, falando que eu não deveria confiar nele, que ele era egoísta, mas ao mesmo tempo falava que não queria me deixar e que precisava ficar em contato comigo… Dias e dias passaram e ele ficava brincando com minha mente.

Lembro que um dia ele me falou que gostaria de morar aqui no Brasil, porque ele achava que as coisas eram baratas. Me perguntou se eu estava disposta a morar na cidade dele e eu falei que sim. Então ele falou que existiam coisas que eu tinha que saber a respeito da cultura árabe e eu fiquei ali, parada só escutando…

Ele disse que na casa dele (nossa casa) se chegasse uma visita masculina eu deveria ficar na cozinha.  Eu falei que jamais ficaria!!! Falou que eu não poderia comer na mesma mesa que eles… E eu falei… Eu como sim!! Muito engraçado isso, porque ele costumava me falar que não aceitava “certas normas da cultura” dele, como por exemplo, ter que casar virgem. Ou ainda que a mulher não pudesse trabalhar e ser independente. Mas depois veio com essa história…

Depois ele falou que tinha medo do que a família dele iria pensar ao meu respeito, já que eu era do ocidente e que eu não era virgem. Eu ate perguntei, num momento de brincadeira se a mãe dele iria olhar para dentro de minhas pernas para saber se eu tinha ou não tinha hímen… Ou se o irmão dele iria querer ver também… Ele até sorriu e falou que não era bem assim, eu já tinha uma “certa idade” e que seria quase impossível a mãe dele acreditar que eu era virgem ainda.. Então eu falei que ele não precisava dizer para mãe dele se eu era ou não, bastava apenas casar e pronto!

Ele falou muitos outros absurdos que logicamente eu não concordei. Falava que entendia meu lado, já que eu era independente e que tinha outros valores morais e culturais, mas que mesmo assim me amava e que queria ficar comigo… Eu acreditei.

Chegou o mês de agosto e eu ali vidrada nele. Falando para ele que eu queria ir para lá. Ele relutando, dizendo que não seria uma boa idéia. Então, um dia ele veio com essa:

 – Eu não sou rico, a minha casa não tem piscina como a sua e não tenho nada para te oferecer, tudo que eu tenho são as despesas do casamento da minha irmã…

E eu ainda assim falei que queria construir um futuro com ele. Ele aceitou.

Eu estava no facebook de L.L. (a menina egípcia) tentando descobrir um novo álbum de fotos dela, quando encontrei o facebook  novo dele… Ele apagou o antigo e fez um novo só com ela como amiga.. Lá tinha tudo que eu precisava saber… Muitas declarações de amor dele para ela e dela para ele!! Eu fiquei em choque!! Meu céu caiu e eu caí em prantos!! Apenas alguns dias antes ele havia me mandado uma mensagem falando que me amava e que eu tinha que esperar o futuro, que não estava mais nas mãos dele, mas que precisava ficar em contato comigo, precisava ficar comigo…

Eu chorei, chorei, chorei… muito… Vi todos os meus sonhos desmoronarem… E então a ficha caiu!!! Tudo era mentira!!! Essa menina de 18 anos a qual ele estava se correspondendo estava prometida para ele desde o dia do casamento da irmã. Até então, ele não tinha ninguém lá, aproveitou o casamento da irmã para fazer isso… Ambos estavam esperando por esse dia!

Eu perdi meu controle e mandei para ela todas as nossas fotos juntos, inclusive se beijando. Os e-mails, cartas que ele escreveu para mim, chats onde tinham todas as conversas, tudo que você possa imaginar… Mandei!!! Eu sabia que pela cultura deles, ele não poderia nem beijar outra mulher que não fosse a esposa dele e por isso contei tudo para ela. Falei que éramos marido e mulher no navio, que estávamos noivos, etc… Ela me respondeu agradecendo por tudo, pois só assim ela descobrira a verdadeira face dele,  então falou que não queria mais ele.

Nesse momento, eu entrei no facebook do irmão dele que me aceitou como amiga e fui buscar as fotos dele no casamento da irmã. Foi quando eu notei que ele não estava usando a nossa aliança… Ele não estava com ela nas fotos.

Eu mandei um e-mail para ele chamando-o de mentiroso, mau caráter!! Disse que ele mentiu, e eu queria saber por quê!! Eu havia sido tão boa com ele e ele tinha sido perfeito para mim, mas no final fez tudo isso… Eu me senti um lixo!! Me senti velha e fracassada!! Ser trocada por uma garota de 18 anos… virgem, egípcia… Como me senti mal e ainda estou me sentindo mal por isso. 

Ele me respondeu falando que nunca me amou, que ama essa garota e que vai casar com ela… Pediu que eu deixasse ele em paz e ainda assim perguntou se a gente poderia ser amigos…

Estou mal desde que isso tudo aconteceu, estou amargurada, me sentindo péssima. Sei que não estou velha… Sei que dei todo meu amor a ele. Ele foi fazer uma palhaçada dessas. Estou vivendo um inferno, penso nele dia e noite, ando sem comer e ainda assim tenho sonhos com ele… não sei o que eu faço…

Eu ainda o amo e muito!! Minha mãe está preocupada comigo, pois eu não paro de falar nele. Nem minhas amigas querem mais saber dele e falam para que eu o esqueça… Mas está difícil!! Está muito difícil!! Não consigo tirar de minha cabeça, todos os nossos momentos lindos e mágicos que passamos juntos em tantas e tantas cidades e países…

Quero aproveitar aqui e dizer que eu tenho outros amigos árabes que não aprovaram nem um pouco a atitude desse homem comigo. Eles viveram e vivenciaram cada momento especial que tive com ele.

Gente, esse foi o relato de minha amiga J.

Quero salientar que nossa intenção é apenas partilhar essa história a título de informação. Não queremos de forma alguma julgar todos os egípcios por este homem. Apenas, queremos alertar as pessoas que tenham cuidado quando se envolverem com pessoas de culturas tão diferentes das suas. Muitas vezes um grande amor pode acabar em uma grande decepção!

Ela está aberta a comentários e eu aberta às histórias que por ventura, vocês desejem compartilhar.

Um grande beijo à todos!

13 comentários (+add yours?)

  1. W.F
    Nov 19, 2014 @ 11:09:13

    Queria salientar que isso acontece independente da nacionalidade. Tive um caso parecido com um irlandês. Nós conhecemos também trabalhando em um navio de cruzeiros e mesmo quando estávamos de férias continuavamos nos falando a todo tempo. Gostava muito dele, porém quando ele voltou para o navio (eu ainda estava de férias) senti que ele estava um pouco diferente. Perguntei o que estava acontecendo, se havia conhecido alguém, etc.. Ele negou! Após alguns dias, ele ligou chorando e disse que tinha ficado com alguém mas que não queria ficar mais e queria que fôssemos amigos (pode?). Meu mundo desabou! Não queria mais falar com ele, tentei bloqueá-lo no facebook mas não consegui porque gostava muito dele. Um dia, uma amiga que estava no navio me perguntou se ainda estávamos juntos e perguntei o porque é ela me disse que ele estava sempre com essa pessoa conversando. Apartir disso, o meu se tornou ódio porque ele mentiu quando disse que não tinha intenção de ficar com ele. Não quera vê-lo nunca mais na minha vida porém estou prestes a voltar para o mesmo navio e não sei como irei comportar ao ver a pessoa que amei com outra, sempre juntos. Será uma provocação… Sofri muito e não queria sofrer mais.

    Responder

  2. Anónimo
    Fev 13, 2013 @ 16:08:15

    Oi, também preciso de conselho, com urgência. Meu nome é Fabiana e tenho 35 anos, sou solteira, nunca casei mas tive 2 filhas em um relacionamento de 15 anos, sempre fui fiel. Hoje estou sozinha. Eu também conheci um Egípcio, ele tem 25 anos, com todas as qualidades que foram citadas por todas.
    Ele também me pediu em casamento, quando quis dizer coisa vulgares, briguei com ele e tirei ele do meu facebook. Mas percebi que ele ficou desesperado, me ligou várias vezes, enviou várias mensagens para o Facebook me pedindo desculpas.
    Eu o aceitei de volta, começamos a conversar mais e nos conhecer melhor, sempre diz que me ama e faz planos para o nosso futuro, me pediu para me converter ao Islam, já está dando baixa no Exército e está com o passaporte, quer vir para o Rio de Janeiro, mas quando encontrar emprego. Quando ficamos online, ele não consegue se despedir, não consegue dizer bye, até amanhã, continua a conversa por mais tempo. Esse amor é verdadeiro, posso investir, me ajuda!

    Responder

  3. joana viudes carrasco
    Jan 28, 2013 @ 11:18:11

    estou solidaria com a historia dessa moca….mas nao ha
    excecao entre eles, de cada 10 ,tavez fique um que preste…tenhon uma historia semelhante, o tal era viuvo, estava comigo fazendo juras de amor, me chamando de esposa que me amaria ate a morte, enfim todo blablabla de sempre, acreditei nele e me apaixonei ele e kurdo do iraque, mora em erbil, dai ele sumiu uma semana, depois veio cheio de amor pra dar pois estava infeliz, tinha sido obrigado a se casar fazia uma semana, estava infeliz, mas tem um filho de 7 anos e precisava de uma mae…..sou brasileira, catolica e mais velha que ele,quase morri qdo soube do casamento,logo depois ,ele me chamou pelo video e fazia declaracoes de amor….uma semana depois de casado…fiquei estarrecida com a coitada da esposa dele….falei um monte pra ele, disse que isso era errado, coisa de canalha enganar as pessoas assim,principalmente brincar com os sentimentos das pessoas…conclusao …ele me deletou….mas ja tinha visto na pagina dele que tinha uma romena, casada e com uma filha de 5 anos, curtia tudo dele etc…..add ela e perguntei se ela estava apaixonada por ele, ela disse que sim ,mas que ele a amava demais…..contei tudo a ela…..ela me deletou tbem..entrei com outro perfil no face, com fotos de 10 anos atras, alias eu era muito bonita modestia a parte…ele engoliu a isca e contou um monte de mentiras, mentiu a profissao, mentiu estado civil enfim..mentiras e mais mentiras….ficou louco e apaixonado de cara…dai veio a pergunta….voce tem camera: disse tenho…quero te ver todos os dias …por favor abra a camera que quero ver seu rosto..disse que nao….que gostaria de conhece-lo mais um pouco..ele me deletou de novo…..agora abri outro perfil e ele e a tal romena continuam se curtindo..ela disse que ama a familia dela,o marido e a filha e que nao esta mais com ele…ele me disse que fez sexo com ela mais de 30 vezes….por camera…caiu de novo ….engoliu a isca, de novo, so que desconfiado que eu seja a mesma…rsrsrsrsrs depois de todas mentiras, juras de amor eterno e blablabla..pediu para eu abrir a camera..disse que nao, que visse minhas fotos, que depois que o conhecesse melhor abriria..nao me deletou ainda, mas disse que nao quer relacionamento comigo….gente esses caras, sao de uma cara de pau sem tamanho…..ja pensei em criar um movimento de mulheres enganadas por mulcumanos e detonar com eles na Internet..tenho pena de nos que somos enganadas e das pobres esposas que eles compram e as fazem de escravas….se alguem quiser trocar mensagens ,terei muito prazer..meu email.joanacarrasco@live.com

    Responder

  4. Amiga
    Fev 27, 2011 @ 19:14:36

    Amiga, sou casada com um egípcio há um ano e meio, estou vivendo na pele a pior estória do mundo, traição, mentira, estorção e medo. Tenho pensado muito neste tipo de situação, que tem se tornado muito frequente. Acredito que eles estejam mesmo se aproximando das brasileiras com má intenções. No meu caso, ainda não consegui resolver meu problema, pois tem sido muito complicado. Mas aconselho esta moça que esqueça este homem. Eu sei que doi muito, mas existe muita gente boa no mundo. Este tipo de pessoa só acaba com a vida da gente. Ela deu até sorte, pior se casasse com ele, como eu e depois ficasse sendo estorquida, chantageada e vivendo num verdadeiro inferno. Devemos divulgar mais estas estòrias, abrir os olhos das mulheres, porque a coisa é séria, muito séria!!! As consequencias as piores possíveis!!!!

    Responder

  5. Andréia Feijó
    Nov 21, 2010 @ 14:33:53

    Já passei teu contato…
    Bj

    Responder

  6. Nadir Araújo
    Nov 15, 2010 @ 23:57:06

    Que história triste! Posso dizer que sei na pele o que minha conterrânea (também sou de PE) está sentindo…

    Também fui casada com um egípcio. Larguei tudo aqui no Brasil e me mandei pro Cairo pra casar com uma pessoa que tinha exatamente o mesmo tipo de comportamento que esse egípcio dela tinha, parecia ser o homem perfeito, mas no final da história o meu céu tornou-se no pior dos infernos.

    Não é nada fácil superar tudo isso, afinal a gente coloca todos os nossos sonhos numa relação e ver tudo se acabar é como se a vida também estivesse acabando, mas a volta por cima é possível, sou um exemplo disso.

    Depois de muitos problemas eu me separei do egípcio, já estávamos aqui no Brasil, foi muito difícil, eu pensava que nunca iria superar tudo aquilo, mas aos poucos aprendi a ter amor próprio e com a ajuda de Deus e de alguns amigos sinceros aqui estou novinha da Silva e pronta pra outra, sendo que dessa vez não quero conversa com egípcio nem em sonho…😀

    Responder

  7. Taciana
    Out 02, 2010 @ 16:33:43

    ola, sempre acompanho teu blog mas fico aqui quietinha rs
    Pois menina, a gente que mora aqui sabe bem o que se passa, nao adianta alertar, mostrar e ate mesmo provar pra certas mulheres que homem serio nesse pais nao esta na internet ne? rs
    Nem foi o caso dessa moca, mas a realidade eh bem essa mesmo, infelizmente.
    Tem mulher largando tudo pra vir atras de um ze ruela, pobretao e mau carater, ze passaporte… Querem eh vida boa isso sim.
    Aqui nesse pais a grande maioria eh mau carater SIM! e mais tem mulher que acha que um pais islamico eh paraiso na terra, pobre coitada!!
    Mas realmente eu espero que essa mulher se recupe do baque e fique bem, ninguem merece passar por uma situacao dessas na vida, como a Line disse, homem eh homem em qq lugar do mundo.
    beijos

    Responder

  8. line
    Set 29, 2010 @ 16:42:41

    Sinto muito por ela…
    Mas infelizmente, nunca é bom se confiar em egipcios ou árabes que “aceitam” numa boa nossos customes ocidentais, por que isso é desculpa pra que eles consigam dar uma escapadinha antes do casamento. Eles querem apenas uma quebra-galho para sacear seus desejos sexuais.
    E virgindade é muiiiiitoo importante para eles, acho dificil um egipcio nao se importar em se casar com uma mulher não-virgem.
    Claro q nem todos sao assim, mas é sempre bom as meninas estarem em alerta para esses canalhas. pq homem é homem em qualquer parte do mundo.
    Egipcios apaixonados, tem de penca por aí,a palavra de ordem é DESCONFIE SEMPRE!

    Desejo do fundo do coracao q essa nossa amiga aí, consiga superar essa dor, e creio isso vai ser um grande passo pra ela crescer como pessoa😉
    que Deus te abençoe!

    Responder

  9. Gomes :((
    Set 25, 2010 @ 14:38:30

    Andreia, nem vou dormir hoje com essa!!haaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa…

    Responder

  10. Gomes :D
    Set 25, 2010 @ 14:34:04

    Nossaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!! andreia estou passada :(( como uma pessoa(HUMANO) pode brincar tanto com os sentimentos(AMOR)do outro??? estou sem palavras…:((

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Quantos já passaram por aqui...

  • 336,119 acessos

del.icio.us

The best

RSS A História de uma gata

  • Memorial 19/05/2016
    Tá tudo certo. Resolvido. Jurado e sacramentado. Até que percebo uma leve alteração na respiração ao estacionar o carro e meu coração acelerar no elevador e bater na garganta quando chego na porta. Ela abre. Eu disfarço. Faço uma piada, enquanto minha mente me joga, sem dó, frames de sons, momentos e sensações. Me lembra que voltei a brotar ali .E eu penso n […]
    noreply@blogger.com (Fernanda Copatti)

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 354 outros seguidores

%d bloggers like this: